quarta-feira, 26 de outubro de 2011

meia-noite

sinto não poder dizer agora, meia-noite.


no meio de tudo.

Um comentário:

Érica disse...

O meio de tudo, na meia noite sem palavras. As vezes nada faz muito sentido mesmo.

Adorei a imagem!

Beijos