quarta-feira, 30 de setembro de 2009

presença

eu, na verdade, não sofro com a ausência....
eu sofro é com a presença e portanto com a certeza de que você irá embora.
mas, meu amor, quando te vejo, tudo isto vai-se embora, tem que ir, para que eu tenha tudo, em tudo com você.
sou e quero ser totalmente seu para que nada mais importe ou nos distraia.
para podermos ter tanto um para o outro que nada mais nos reste a nao ser,
ser do outro...totalmente

domingo, 27 de setembro de 2009

sou homem seu

sou homem de suspirar, de admirar os porques
sou homem de ver beleza em toda beleza
sou homem de olhar vários minutos pra você
sou homem de desejos os quais seguro
sou homem de ver você do outro lado
sou homem e, na verdade, sou seu homem

sou homem seu.

uns

hoje seria o dia que os muros seriam levantados.
a divisão, a partilha, um lado aqui e outro aí.
as escolhas de rotas, tempos, bagagens, roupas e lençóis.

ternamente os olhos ateram-se ao fato de consumirem-se.
mansamente as mãos se deram ao carinho.
dormente as pernas de tanta espera, cruzaram-se.

e tudo era, em volta, e à volta; uns olhares, umas palavras, uns risos.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

eu não sei.

eu não sei se posso supor. mas suponho.
eu não sei se vê. mas eu vi...
eu não sei se. mas se sei...
eu não sei onde. mas sei que...
eu não sei aí. mas sei que aqui...
eu não sei de nós. mas sei que eu...
eu não sei do amor. mas sei que amar...
eu sei que tudo aqui é cada vez mais daí.

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

ENQUETE


você está na praia tempestade chegando (isto não é ruim...) você:
a) mergulha no mar
b) corre pela praia
c) entra o continente adentro
d) eu...

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

sou sua mulher

Não me faça um favor.
Não me crie em sua mente.
Não me tenha. Apenas me observe fazer.
Ou ser.
Veja quantas há em mim. Não sou sua.
Sou minha e todas.
Não sei quem sou, sou alguma, sou a louca, a menina, a moça.
Sou uma mulher.
Gênero.
Única. Pessoal.
Sou a bela.
Queira-me em lembrança, em distância, em suas melhores e maiores vontades.
Meu corpo pode estar em suas duas mãos, abrindo-se e recebendo.
Minha pele te sente, minha boca tem a saliva que beberá da sua.
Queira-me pela noite inteira. Toda.
Sua.
E de manhã me deixe em meus olhares.
Em minhas considerações e sonhos.
Sou uma mulher florescente.